Diferenças

Aqui você vê as diferenças entre duas revisões dessa página.

Link para esta página de comparações

Ambos lados da revisão anterior Revisão anterior
Próxima revisão
Revisão anterior
instalacao_do_servidor_de_medicao_de_velocidade [04/03/2020 18:26]
superuser
instalacao_do_servidor_de_medicao_de_velocidade [23/07/2021 15:09] (atual)
superuser
Linha 27: Linha 27:
 ===== Configuração do Servidor ===== ===== Configuração do Servidor =====
  
-=== Sistemas operacionais testados: ​CentOS 7, Ubuntu 16.04 e 18.04 === +=== Sistemas operacionais testados: === 
-=== Requisitos de hardware: Placa de rede gigabit. É recomendado que nenhum outro serviço que utilize a rede esteja rodando na máquina. ​===+ 
 +Ubuntu 20.04, Debian 10 
 + 
 +=== Requisitos de hardware: ​=== 
 + 
 +Placa de rede gigabit. É recomendado que nenhum outro serviço que utilize a rede esteja rodando na máquina. ​Recomendamos pelo menos 500MB de RAM livres para o processo do Nginx que será mantido em execução. Recomendamos ao menos 4 núcleos de CPU para download simultâneo dos arquivos durante o teste de velocidade. Ao menos 500MB de espaço devem estar disponíveis para armazenamento dos arquivos de teste que serão baixados durante o teste de velocidade. 
 **Atenção! Verifique se o link de rede para o servidor está configurado para gigabit tanto no downlink quanto no uplink!** **Atenção! Verifique se o link de rede para o servidor está configurado para gigabit tanto no downlink quanto no uplink!**
   - Atualizar lista de repositórios através do comando: <​code>​   - Atualizar lista de repositórios através do comando: <​code>​
Linha 43: Linha 49:
 </​code>​ </​code>​
   - Abra o arquivo de configuração do Nginx com o comando: <​code>​nano /​etc/​nginx/​nginx.conf</​code>​   - Abra o arquivo de configuração do Nginx com o comando: <​code>​nano /​etc/​nginx/​nginx.conf</​code>​
-    - Se você já possui um serviço configurado no Nginx, edite o seu arquivo atual para incluir as configurações abaixo.+    - Se você já possui um serviço configurado no Nginx, edite o seu arquivo atual para incluir as configurações abaixo. Ficar atento ao substituir o usuário do nginx "User nginx",​ porque para cada distribuição o nome do usuário será diferente. Por exemplo no Ubuntu18 por padrão o usuário criado é "​www-data"​.
       - Lembramos que por motivos de performance de rede, não recomendamos que outros serviços estejam configurados na mesma máquina.       - Lembramos que por motivos de performance de rede, não recomendamos que outros serviços estejam configurados na mesma máquina.
   - Configure o Nginx para receber requisições HTTP editando o arquivo aberto: <​code>​   - Configure o Nginx para receber requisições HTTP editando o arquivo aberto: <​code>​
Linha 112: Linha 118:
     - Se você alterou a porta do serviço no passo 7, não se esqueça de incluir a porta na URL:<​code>​http://<<​ip do servidor>>:<<​porta configurada>>/​measure</​code>​     - Se você alterou a porta do serviço no passo 7, não se esqueça de incluir a porta na URL:<​code>​http://<<​ip do servidor>>:<<​porta configurada>>/​measure</​code>​
     - Você deverá ver uma listagem de arquivos contendo 3 arquivos de 50MB cada: file1.bin, file2.bin, file3.bin     - Você deverá ver uma listagem de arquivos contendo 3 arquivos de 50MB cada: file1.bin, file2.bin, file3.bin
 +    - Caso os arquivos não sejam exibidos com sucesso, por favor excluir o link para a pasta "/​etc/​nginx/​sites-enabled/​default"​ através do comando abaixo. Por favor antes de excluir, validar se esta configuração está está sendo utilizado por outro serviço.<​code>​rm -f /​etc/​nginx/​sites-enabled/​default</​code>​
  
 ===== Realizando um Teste de Velocidade ===== ===== Realizando um Teste de Velocidade =====